Saturday, September 16, 2006

Solenidade de Posse da Academia Juvenil de Letras




































Ontem fui madrinha de quatro novos membros da Academia Juvenil de Letras da EAP- Escola Aplicada da Fundação Educacional e Cultural São José presidida pelo Dr. José Carlos Martins e pela acessora Maria Cury Martins e dirigida por Débora Cristina Rosa Fernandes. O evento aconteceu na Câmara Municipal de Itaperuna.
A Academia Itaperunense de Letras, através do projeto "A Academia vai à Escola", estava presente como madrinha da Academia Juvenil. A professora e acadêmica Abia Dias é responsável por essa brilhante iniciativa.

Meus afilhados:

Yasmim Melo Rodrigues Pereira
Cadeira nº 09- Patronímica de Alberto de Oliveira
Helena Ferreira Nunes
Cadeira nº 12- Patronímica de José de Alencar
Otavio Meireles
Cadeira nº 14- Patronímica de Joaquim Manuel de Macedo
Milena Manhães de Oliveira
Cadeira nº 30- Patronímica de Jorge Amado

Após a cerimônia de posse houve uma recepção com coquetel nas dependências da EAP. Na ocasião foi apresentado um jogral em homenagem ao poeta Mário Quintana, dirigido pelo professor e agente cultural Nelson Rocha.
Foi uma noite muito bonita.

...................

"No dia 15 de setembro, quase primavera de 2006, a Academia Juvenil de Letras da Fundação São José (ACAJULE) deu posse a novos membros que farão parte do sodalício. A solenidade, realizada no salão nobre da Câmara Municipal de Itaperuna, contou com o aval da Academia Itaperunense de Letras (ACIL), madrinha da ACAJULE. O evento contou ainda com as presenças ilustres do Presidente da Fundação São José, Dr. José Carlos Martins e esposa, Assessora da Presidência, Profª Maria Cury Martins, da Diretora das Faculdades Integradas Padre Humberto, Profª Suely de Paula Coutinho, dos Diretores da Escola de Aplicação da Fundação São José, Prof. Márcio Monteiro e Débora Cristina Fernandes, dos membros da Academia Itaperunense de Letras, em especial o Prof. Válber Meirelles, Presidente da Academia e da Srª Flora Carpi, Vice-presidente, demais autoridades e familiares dos acadêmicos.
A Fundação São José que há 39 anos preza por qualidade e de onde saíram pessoas ilustres e iluminadas que espargiram por toda região um novo olhar para a cultura do Noroeste Fluminense, dá continuidade a essa disseminação literária criando a Academia Juvenil de Letras, instalada em dezembro de 2004, agregando 30 membros, alunos da Escola de Aplicação da Fundação São José, da 5ª série do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio. A Academia Juvenil de Letras da Fundação São José (ACAJULE) é um projeto idealizado e coordenado pela professora Abia Dias. "
Fonte: FSJ

0 Comments:

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home