Tuesday, April 04, 2006

Vai bem um café e uma boa prosa?

Foto:abic

Pode ir entrando, tem uma xícara de café e bom fio de prosa.

É bom aprender a evitar o diálogo truncado e praticar o constante diálogo, como nos convida o poeta Carlos Drummond de Andrade:

Há muitos diálogos
O diálogo com o ser amado O diálogo contigo mesmo
O semelhante com a noite
O diferente os astros
O indiferente as idéias
O oposto os sonhos
O adversário o passado
O surdo-mudo o futuro
O possesso Escolhe teu diálogo
O irracional e
O vegetal tua melhor palavra
O mineral ou
O inonimado teu melhor silêncio
Mesmo no silêncio
E com o silêncio dialogamos.

Somos uma sociedade carente de diálogos. Pais e filhos não se entendem, as famílias estão se “desmontando”, as instituições sofrem por falta de diálogo, a sociedade está manca, a violência atinge níveis insuportáveis. Agimos centrados em nosso egoísmo, não aceitamos negociar, ouvir o outro, pensar sob a ótica dele. A todo preço queremos nossa vontade e nossas necessidades atendidas. A vida ficou pesada, difícil.
Talvez por isso, Roseana Murray, poeta, fez o classificado poético transcrito abaixo:
“Procura-se um lugar no planeta
onde a vida seja sempre uma dança
e mesmo as pessoas mais graves
tenham no rosto um olhar de criança.”
Somos feitos para a convivência. Co-existir é uma construção que se faz no cotidiano. É lançar um olhar ao outro.
Os poetas sabem o que dizem. Ouçamos suas vozes:
“ Eu preciso de diálogo
Eu preciso ver
Ver em você, minha cara
Metade minha, metade clara.”
(Frederico Barbosa)
“Como poderei ver o próximo se estiver ocupado apenas de mim mesmo?”
(Erich Fromm)

“É preciso reformar a casa
Abrir as janelas
É preciso destruir as cercas
É preciso reformar o homem.”
( Cláudio Murilo)


“O que pode uma criatura senão,
entre criaturas, amar?”
( Drummond)


“Vamos conjugar o verbo fundamental
essencial
o verbo transcendente
acima das gramáticas
e do medo, da moeda, e da política
o verbo sempreamar
Razão de ser e viver.”
(Drummond)

1 Comments:

Anonymous Thaís Trugílio said...

Puxa! Seu espaço continua lindo... suas palavras -sempre- iluminadas, Luciana!
Vc está certíssima quado diz que nossa sociedade está carente de diálogos... Somos cada vez mais egocêntricos, focamos muito mais no eu do que no "nós", e penso que isso talvez nos afaste um pouco de nós mesmos.
Muito bem escolhidos os poemas... vc está - como sempre - de parabés.
:)
beijão

8:47 AM  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home